Acessar

Local

Rota do Café & Negócios

Rota do Café & Negócios

A Rota do Café & Negócios é um projeto que tem como principal atividade a reunião periódica de empresários para debates de ideias e fomento de negócios. De iniciativa privada, o foco das ações está na Região do Caparaó, localizada no entorno do Parque Nacional do Caparaó, na divisa dos estados do Espírito Santo e Minas Gerais.

Ainda que nosso foco seja a qualificação da oferta de produtos e serviços do Caparaó, nossos trabalhos ultrapassaram os limites da Região e de seus municípios, tendo alcançado o público nos municípios Capixabas de Venda Nova do Imigrante, Anchieta, Vila Velha e à capital Vitória com participantes ativos vindos dessas cidades.

Até o momento, tivemos a participação de empreendimentos das seguintes áreas:

  • Cafeicultura
  • Doceria
  • Artesanato em Madeira
  • Cafeterias
  • Confeitarias
  • Serviços Digitais
  • Estética
  • Hospedagens Rurais e Urbanas
  • Desenvolvimentos de Sites e Softwares
  • Restaurantes
  • Sanitização
  • Fábricas de Cervejas Artesanais
  • Psicólogos
  • Fábricas de Embutidos
  • Assessoria e Organização de Eventos
  • Comerciantes
  • Floriculturas

A Região do entorno do Parque Nacional Caparaó, localizada na divisa entre os estados do ES e MG, junto com o próprio Parna, bate recordes de visitação a cada ano graças ao destaque nacional dado por grandes veículos de comunicação e  a amplitude de propagação das redes sociais, que atraíram um público exigente que busca mais do que o inesquecível amanhecer no Pico da Bandeira. E este papel cabe às diversas propriedades particulares do entorno que vem ganhando cada dia mais destaque.

Precisamos atender essa demanda crescente por novos destinos na região, e alguns destes lugares não tem a devida estrutura para receber tanta gente. É urgente qualificar nossa oferta!

A Rota do Café & Negócios tem na iniciativa privada sua principal via de ações, através da reunião de empreendedores espalhados pelo entorno do Caparaó, em movimento já iniciado em 2019 com encontros para debates de ideias e fomento de negócios que, tem no turismo, a alternativa para diversificação da já enraizada, com perdão do trocadilho, monocultura do café.

Nos encontros recebemos empreendedores dos mais variados ramos de produtos e serviços, e também produtores de café que, por exemplo, já entendem a necessidade de uma opção àquela que é o seu único sustento. Por vezes a safra não é o suficiente pra sustentar a família e com isso vemos novas cafeterias sendo abertas por produtores e suas famílias. Além de pousadas, campings e há ainda uma gama enorme de opções na agroindústria sendo explorada.

É verdade que os acessos oficiais à área do Parque Nacional foram estruturados e recebem a devida atenção das autoridades, mas é também verdade que a demanda crescente pelo Caparaó jogou uma luz sobre os pequenos empreendimentos que não tem acesso às mesmas verbas para estrutura de estradas, sinalização, marketing online e offline, etc.

Se faz necessário reunir, catalogar e qualificar essa oferta.

O entorno da Região do Caparaó aguarda há mais 30 anos por este momento de ascensão. A hora de agir é agora, no sentido de dar ao seu povo uma opção ao café e ao clientelismo político.

A Rota do Café & Negócios é não apenas um movimento em favor do turismo, mas também do fortalecimento dos pequenos empreendedores que, através de conexões reais entre pessoas, podem mudar o mundo ao seu redor criando um ambiente de desenvolvimento de longo prazo em benefício das próximas gerações.

Há disposição nas pessoas pela mudança e o primeiro passo já foi dado.

A Rota do Café & Negócios iniciou suas atividades em 2019 com três encontros:

O 1º encontro aconteceu em 25 de Maio de 2019 no café colonial Paiol da Bel, município de Irupí/ES. O debate girou em torno do fortalecimento da identidade do empreendedor e de seu papel no Caparaó. Nossa parceira-líder nesta edição foi a Psicóloga Ana Paula Cunha, de Vitória/ES.

O 2º encontro aconteceu em 03 de Agosto de 2019 na cafeteria rural Café Serra Valentim, município de Iúna/ES. Nosso tema nesta edição foi o planejamento e execução de projetos e metas. Como organizar sua empresa para otimizar recursos. O debate ficou por conta da parceira-líder Verusa Domethildes, Empreendedora e Mentora de Projetos de Inovação em Vila Velha/ES. Verusa também é barista, e criadora da VerusCoffe, um clube de consumidores de cafés especiais que abriu sua primeira cafeteria em 2019 na prainha em Vila Velha/ES.

O 3º encontro aconteceu em 21 de Setembro de 2019 na Fazenda Amarela “Café com Flores”, fazenda produtora de café arábica com opção de hospedagem rural no município de Iúna/ES. O tema desta edição foi a Economia Criativa, e suas ações positivas no âmbito dos pequenos empreendimentos. Nesta edição tivemos duas parceiras-líderes, primeiramente a Verusa Domethildes mais uma vez conosco reforçando os conceitos desde a sua participação anterior no segundo evento. Em um segundo momento a Karlili Trindade, criadora da Cicloescola de Economia Criativa nos apresentou os conceitos e formas de atuação dentro desse ramo dos negócios baseados no capital intelectual e cultural e na criatividade para geração de valor econômico.

(Nas 3 edições do evento houve cobrança para acesso de cada participante)

(Todas as fotos/vídeo, edição, e custos da viagem foram 100% financiados pelo Autor)

 

 

Ulisses Mochileiro

Relacionados